Notícias | - 3:00 am


UNP promove café da manhã em presídio2 min read

Voluntários ofereceram refeição especial a agentes, diretores e funcionários de penitenciária de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo

UNP promove café da manhã em presídio2 min read

Por problemas familiares, violência urbana, más companhias ou falta de temor a um Ser maior. Não importam os motivos. A verdade é que a criminalidade cresce numa proporção assustadora no Brasil e no mundo. Segundo o relatório da Humans Right Watch sobre direitos humanos no Brasil, divulgado em janeiro último, em dez anos, o número de presos no Brasil aumentou 85%.

UNP promove café da manhã em presídioA Justiça faz o papel que lhe cabe: condena os que infringem a lei, para que “paguem” por seus erros perante a sociedade. Abarrotados em presídios e cadeias, esses homens e mulheres passam os dias sujeitos à revolta em ambientes, às vezes, insalubres e expostos a diversos danos, sejam morais, psicológicos ou físicos, o que aumenta ainda mais sua condição de excluídos e condenados ao estigma de “perdido para sempre” ou de “se sair, vai cometer crimes ainda piores”.

Com o objetivo de mostrar a Salvação a essas pessoas, com base na Palavra de Deus, dando-lhes a chance de conhecer o Evangelho, é que o grupo Universal nos Presídios (UNP) tem trabalhado incansavelmente, visitando penitenciárias e levando auxílio material e conforto espiritual.

Uma das ações do grupo é atender também familiares dos presos e funcionários, desde carcereiros a diretores, oferecendo um café da manhã como forma de socialização e conhecimento, uma vez que as famílias e os funcionários também sofrem com esse quadro e têm de estar preparados para lidar com a situação.

Socialização

UNP promove café da manhã em presídioNo interior de São Paulo não é diferente. No dia em que a Universal completava 40 anos de existência, 9 de julho, o grupo de Ribeirão Preto, coordenado pelo pastor Pedro Paulo, ofereceu a agentes, diretores e funcionários da Penitenciária II de Serra Azul-SP, região rural, um farto café da manhã.

Um dia antes, o café também foi oferecido no refeitório local para uma primeira turma, completando o trabalho de valorização dos funcionários. Além do pastor Pedro Paulo, o evento contou com a presença do pastor Adriano e do pastor Sérgio.

Somente em Ribeirão Preto, são nove penitenciárias visitadas por 80 voluntários. O UNP também assiste às cidades de Bauru, São José do Rio Preto e Presidente Prudente, sob a coordenação do pastor Pedro Paulo, e conta com o trabalho de 250 voluntários.

Com informações do UNP Ribeirão Preto


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Maria do Rosário / Foto: Cedidas 


reportar erro