Notícias | - 3:00 am


Um dos maiores rappers do mundo é acusado de prender 6 mulheres4 min read

Entenda com o caso a importância de começar um relacionamento sempre com a razão à frente da emoção

Um dos maiores rappers do mundo é acusado de prender 6 mulheres4 min read

Robert Sylvester Kelly, conhecido mundialmente como R. Kelly, já vendeu mais de 60 milhões de álbuns em sua carreira. O músico dedica-se ao RAP desde 1989 como cantor, mas, como produtor musical, já trabalhou com grandes nomes de diversos gêneros musicais, como Michael Jackson, Whitney Houston, Lady Gaga, Justin Bieber e Bruno Mars.

Todavia, não é seu talento musical que colocou o rapper nos noticiários dos últimos dias. De acordo com o site Buzzfeed News, Kelly está sendo acusado por um casal de manter sua filha em cárcere privado, fazendo nela uma espécie de “lavagem cerebral”.

Desde 2015, quando a filha do casal, então com 19 anos de idade, conheceu pessoalmente o rapper, eles mal conseguem vê-la. A jovem morou com os pais a vida inteira, mas logo que se aproximou de Kelly mudou-se para sua residência. De acordo com os pais da moça ela nunca sai de lá e, nesses dois anos, os pais dela só conseguiram contato três vezes, sendo apenas uma pessoalmente.

“Ela parecia uma prisioneira. Foi horrível”, revelou a mãe. “Eu a abracei e a abracei, mas ela só dizia que estava apaixonada e que Kelly é o único que liga para ela. Eu não sei o que fazer. Eu espero que, se ela voltar para casa, eu consiga tratamento para as vítimas do culto. ”

O “culto” ao qual a mulher se refere é confirmado por ex-funcionários de Kelly. De acordo com eles, o cantor mantém seis “namoradas” morando em seis residências diferentes. Ali ele controla o que elas vestem, o que comem e tudo o mais, até mesmo quando podem ir ao banheiro. Kelly manteria relações sexuais com todas essas mulheres, tratando-as como se fosse o líder de relações sexuais quase religiosas.

“Isso é uma lavagem cerebral”, afirma a mãe citada anteriormente, cujo nome não foi revelado, que largou o próprio emprego e vendeu bens que possuía junto ao esposo para ser a “detetive” nos casos de cárcere privado, trabalhando inclusive em colaboração com a polícia federal dos Estados Unidos, o FBI.

Cuidado ao se relacionar

De acordo com os familiares das mulheres que vivem em casas de R. Kelly, o cantor está cometendo o crime de cárcere privado e abuso sexual. Entretanto, até que existam provas do contrário, a polícia considera apenas que elas namoram o rapper.

Em todo caso, de acordo com as investigações e com as testemunhas ouvidas, nenhuma delas foi sequestrada. Todas iniciaram o relacionamento com Kelly espontaneamente, o que aponta para um problema grave: jovens se relacionando sem refletir sobre as consequências dos atos.

Obviamente nenhuma delas imaginaria que seria mantida em cárcere privado – o que até agora elas desmentem para os familiares, embora os ex-funcionários de Kelly digam que é verdade, mas o passado do rapper é conhecido e muito controverso.

Em 2002, um vídeo – em que Kelly (então com 35 anos idade) mantinha relações sexuais com uma menina menor de idade – apareceu na mídia dos EUA. O cantor foi julgado em 14 acusações de pornografia infantil e, em 2008, absolvido.

As mulheres que se envolveram com ele, desde então, foram controladas por seus sentimentos, o que é um erro. Todo relacionamento deve ser estudado cuidadosamente, sempre com o “cérebro à frente do coração”.

é o que ensinam os escritores e palestrantes Renato e Cristiane Cardoso, autores do best seller “Namoro Blindado”. Em vídeo publicado recentemente, Renato afirma: “Você não pode escolher pelo coração”. De acordo com ele, se a pessoa permitir, os sentimentos e as emoções tomarão a dianteira na busca por um namorado, por exemplo, e isso não pode acontecer.

“O problema é que ele (referindo-se ao coração) provavelmente vai escolher errado. Ele vai olhar algumas coisas que vai gostar muito e vai esquecer; vai ficar cego, surdo e mudo com respeito às outras que poderão ser muito problemáticas ao relacionamento. Então, não deixe o coração escolher. Deixe a sua cabeça escolher”, conclui ele.

Quer saber como agir de forma inteligente na vida amorosa? Participe da Terapia do Amor, que acontece todas as quintas-feiras, na Universal.

Em São Paulo, a palestra – dirigida para solteiros, noivos e casados que buscam a felicidade na vida a dois – acontece no Templo de Salomão, em três horários: às 10h, 15h e 20 horas, na Avenida Celso Garcia, 605, região central da capital paulista. Para outra localidade, procure o endereço mais próximo de sua casa, clicando aqui.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Andre Batista / Imagem: Reprodução Facebook @Rkelly 


reportar erro