Notícias | - 12:05 am


Um coração gigante5 min read

Em entrevista exclusiva, o ator Paulo Goulart Filho fala sobre Talmal, seu personagem na novela A Terra Prometida

Um coração gigante5 min read

Além de enfrentar soberanos inescrupulosos, os hebreus da novela A Terra Prometida também se preocupam com outras ameaças, como os gigantes de Canaã. Chamados Anaquins, eles habitam o Monte Hebrom e são conhecidos pela violência, pela força descomunal e pela crueldade. Mas nem todos os gigantes do folhetim da Record TV são perigosos. Talmal, vivido pelo ator Paulo Goulart Filho, é bondoso e bem-intencionado.

Em entrevista exclusiva à Folha Universal, o ator destaca que Talmal não se identificava com seu povo e era maltratado por seus iguais. Depois de tanta humilhação, ele fugiu para viver como nômade. “O povo dele é violento, cruel, e ele não se identificava com aquela forma de vida, isso fez com que ele fosse perseguido. Talmal é um gigante do bem, a essência dele é muito boa. Ele é pacifista, antiviolência e vive isolado para viver da forma que ele acha correta”, explica Paulo Goulart Filho.

Aliado

A personalidade bondosa de Talmal o leva a se transformar em aliado do exército de Israel. Entretanto, sua primeira aparição provoca preocupação ao povo hebreu. Mesmo sem querer, o gigante assusta o cavalo que levava os personagens Rune (Douglas Sampaio) e Livana (Letícia Medina) para a lua de mel e o casal é jogado no chão. Rune, então, é pisoteado e perde os movimentos das pernas.

A imagem de Talmal começa a mudar depois que ele socorre o guerreiro Otniel (Leonardo Miggiorin). “Como os hebreus não o conhecem, acham que ele vai ser violento e começam a caçá-lo. No meio disso, o Otniel acaba ferido por uma armadilha e o Talmal o socorre e cuida dele. Eles se tornarão grandes amigos”, esclarece.

Gravações

Paulo Goulart Filho revela que as gravações da novela exigem bastante tempo. Segundo ele, algumas cenas são repetidas várias vezes e chegam a durar um dia inteiro. “As cenas têm muitos efeitos especiais, quase tudo é gravado separadamente. Trabalhamos muito com chroma key, que é aquele fundo verde, então também existe um trabalho enorme da equipe técnica, direção e todos os atores. é a primeira vez que faço um trabalho assim. é um exercício de concentração e generosidade, estou muito feliz”, diz ele, acrescentando que a caracterização para viver o personagem leva uma hora.

Caráter e bondade

O ator Leonardo Miggiorin destaca, em material divulgado pela Record TV, que a amizade entre Otniel e o gigante mostrará ao público que o caráter está acima das aparências. “Acredito que esta amizade entre Talmal e Otniel vai mostrar que, mesmo as pessoas sendo diferentes nas aparências, o que importa mesmo é o caráter de cada um. Os dois personagens são muitos verdadeiros e sinceros.”

Já o autor da novela, Renato Modesto, explica que Talmal destaca a capacidade que cada pessoa tem de se tornar melhor. “Quis incluir na trama um gigante bondoso para transmitir a mensagem de que todos possuem a liberdade e a capacidade de se aperfeiçoar, de se regenerar e praticar o bem. Acredito que a trama do gigante vai agradar a adultos e crianças.”

Paulo Goulart Filho arremata dizendo que, mais do que o tamanho de Talmal, o importante é que ele tem “um coração grande”. “Vivemos em um mundo tão complicado, com tantos problemas, que é importante contar histórias positivas. Este trabalho se inspira na Bíblia para falar de amor ao próximo, de perdão, paz e justiça, estou muito feliz em transmitir esta mensagem”, conclui. Com direção geral de Alexandre Avancini, A Terra Prometida é exibida de segunda a sexta-feira, a partir das 20h30, na Record TV.

Gigantes na bíblia

Os gigantes Anaquins são citados na Bíblia em livros como Josué e Deuteronômio. Golias, entretanto, é o gigante mais conhecido do Livro Sagrado e não era tão bondoso como Talmal, da novela. Segundo o livro de Samuel, o gigante filisteu passou 40 dias visitando o acampamento dos israelitas no Vale de Elá. A cada encontro, Golias desafiava os israelitas, comandados por Saul, a escolherem um homem para lutar com ele. A Bíblia conta que o gigante tinha quase 3 metros de altura e vestia uma couraça de escamas de bronze de 60 quilos.

Certo dia, o jovem Davi foi enviado por seu pai, Jessé, para levar grãos, pães e queijos ao exército que estava acampado. Além dos suprimentos, Davi tinha a missão de trazer informações sobre os três irmãos mais velhos que participavam do exército. Ao chegar ao local, Davi ouviu o desafio do gigante Golias. Enquanto os soldados se mostravam intimidados,Davi perguntou a eles o que os israelenses ganhariam se vencessem o gigante. Seus questionamentos chegaram a Saul, que o mandou chamar e o advertiu sobre os riscos de enfrentar Golias.

“’O Senhor que me livrou das garras do leão e das garras do urso me livrará das mãos desse filisteu’. Diante disso, Saul disse a Davi: ‘Vá, e que o Senhor esteja com você’.” (Samuel 17:37) Mas Davi não enfrentou Golias com a força do braço, tampouco contou com armas de guerra. Ele levou apenas cinco pedras lisas e sua atiradeira na mão, além de seu cajado. Ao chegar no lugar da batalha, o gigante viu que Davi era apenas um rapaz e fez pouco caso dele.

“E Davi disse ao filisteu: ‘Você vem contra mim com espada, com lança e com dardo, mas eu vou contra você em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem você desafiou’.” (Samuel 17:45) Davi foi até a linha de batalha e arremessou uma pedra com a atiradeira, atingindo o filisteu na testa. Depois, ele correu, se pôs de pé sobre o gigante e terminou de matá-lo. Movido pela fé e por um propósito maior, Davi enfrentou o impossível e saiu vitorioso.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Rê Campbell / Fotos: Munir Chatack 


reportar erro