Notícias | - 2:05 am


“Quase traí meu marido”3 min read

Veja o que Renato e Cristiane Cardoso pensam sobre este assunto

“Quase traí meu marido”3 min read

Já passou pela sua cabeça o desejo de trair seu companheiro? Em caso afirmativo, leia A Escola do Amor Responde desta semana. Os professores Renato e Cristiane Cardoso orientam a aluna Carla sobre como recuperar seu casamento depois que ela revelou ao companheiro que quase o traiu. Confira.

Carla – Quase traí meu marido, mas ele não acredita que desisti de traí-lo na hora. Eu cheguei ao local para ficar com a outra pessoa, mas não consegui e, quando me dei conta, já estava indo embora, não completei o ato. Ele não acredita no que estou falando. Quero a ajuda de vocês para saber o que posso fazer. Eu amo meu marido.

Renato – Você planejou uma traição, não conseguiu ir até o fim, mas foi quase, até chegou a se encontrar com a pessoa.

Cristiane – Na verdade, o que as pessoas não sabem é que a traição começa antes do ato em si e é por isso que o seu marido está chateado. Na verdade, você o traiu. Só pelo fato de você ter ido conversar, ter planejado esse dia para ficar com a outra pessoa, você já estava traindo o seu marido.

Renato – Isso seria a mesma coisa se fosse o homem que fizesse.

Cristiane – O que você tem que fazer é admitir que errou, falhou, que não foi fiel, não teve caráter. Você tem que ser sincera e reconhecer que errou. Se você ficar se fazendo de inocente, de vítima, vai irritar ainda mais o seu marido, justamente porque você fez sim algo que não deveria ter feito. é como se você não tivesse reconhecendo a sua falha, porque você errou, e muito.

Renato – Houve uma falha de fato, ainda que o ato sexual não tenha sido consumado. Houve essa falha e você precisa reconhecer isso. Mas tão importante quanto isso é você reconhecer o que a motivou a agir assim, o que levou você a pensar em trair seu marido, atuar de forma a quase chegar a consumar o ato da traição. Pode ser por causa de falta de atenção no relacionamento ou por vontade de dar o troco no marido.

Cristiane – Ou por vontade de chamar atenção.

Renato – Houve uma raiz. Você não fez isso por acaso, não acordou um dia e pensou em fazer isso. Existe um motivo. é isso que você tem que descobrir e tratar. Você não pode fazer o seu marido acreditar em você, mas o que você pode fazer é ser verdadeira ao máximo. Você tem que falar toda a verdade para ele, dar todas as informações de que ele precisa. Além disso, você não pode fazer mais nada, não pode convencê-lo de que tudo que você está falando seja verdade. Mas muito mais importante do que convencê-lo da verdade é trabalhar na raiz do problema. Houve uma raiz. O casamento de vocês já não estava bem antes disso e você tem que encontrar a razão. Você deve conversar com o seu marido, falar tudo que aconteceu, dizer que você quer trabalhar para reconstruir o relacionamento de vocês, mas também explique que o casamento estava mal antes disso tudo acontecer. Você também deve reconhecer a sua parcela de culpa. Não jogue tudo para cima dele. Reconheça que chegou a esse ponto por culpa dos dois lados. Toda essa conversa madura, de duas pessoas adultas que estão querendo reconstruir a relação, é importante para que vocês saiam desse buraco em que estão, pois até agora estão parados no tempo. Ou seja, ele não acredita em você e você fala que não o traiu.

Para saber mais como resolver os problemas da
vida amorosa, participe das palestras da Terapia do Amor, todas às
quintas-feiras, em uma
Universal
mais próxima
de
você. A cada palestra, casais, noivos, namorados e solteiros aprendem sobre o
amor inteligente e como desenvolver o relacionamento a dois.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Lorrainne Silva / Foto: Fotolia 


reportar erro