Notícias | - 12:08 am


Por não esquecer o ex, ela invadiu o apartamento dele e acabou sendo presa2 min read

Conheça essa história e saiba como se libertar do passado

Por não esquecer o ex, ela invadiu o apartamento dele e acabou sendo presa2 min read

Aos 18 anos de idade, Katelyn Patricia Felegi já foi presa mais de uma vez.

Há alguns meses, a jovem, que mora na Flórida (Estados Unidos), foi rejeitada pelo então namorado. Incapaz de lidar com a situação, ela passou a enviar mensagens ameaçando o rapaz, dizendo que ele se arrependeria caso os dois não reatassem o namoro. As ameaças não funcionaram. Então, ela decidiu invadir o apartamento dele.

“Eu ouvi muito barulho e por isso chamei a polícia”, declarou uma vizinha do rapaz. Quando os oficiais chegaram, prenderam a moça. Katelyn havia quebrado diversos móveis e objetos do ex-namorado. Durante a averiguação do caso, os policiais descobriram ainda que ela já havia sido presa por vandalizar o mesmo apartamento e furtar aparelhos eletrônicos, uma semana antes, “para chamar atenção do rapaz”, como ela mesma declarou. Para completar o caos, ela propositalmente defecou no banco da viatura em que foi detida, deixando os policiais estarrecidos com a atitude.

Nas duas vezes em que foi presa, a moça pagou fiança e foi colocada em liberdade. A verdadeira liberdade dela, no entanto, não parece estar próxima de acontecer.

Liberte-se do passado

Katelyn chegou a comportamentos extremos após ser rejeitada. Mesmo já tendo passado por diversos namoros – como mostram as redes sociais dela –, tornou-se prisioneira do sentimento que tem pelo ex.

Uma edição do programa The Love School – A Escola do Amor trouxe ao público a opinião dos escritores Renato e Cristiane Cardoso sobre como esquecer um relacionamento terminado.

“Como você sai desse buraco, desse bueiro que você está, dessa fossa de lembrança e memórias do seu passado e abre a porta para uma nova vida, para o seu futuro?” – questionou Renato.

De acordo com o casal, que é autor do livro “Casamento Blindado”, é necessário se desligar de todas as coisas que fazem lembrar o ex-companheiro. Fotos, presentes, músicas e até mesmo locais em que os dois costumavam passear podem fazer com que as lembranças se fortaleçam e o sofrimento aumente.

“é como tentar curar uma ferida. Se você tem uma ferida na sua mão, quanto mais você mexe, quanto mais você fere, quanto mais você cutuca a ferida, pior ela vai ficar. Para que aquela ferida se cure, você tem que deixar ela sozinha e tem que protegê-la. Nada pode tocar naquela ferida. Eventualmente, quando a ferida se curar, ela vai formar uma cicatriz. Aí pronto, aí você pode tocar. Vai ficar até mais duro do que a pele normal”, explicou o escritor.

Esse é apenas um dos importantes passos que devem ser dados para esquecer o ex – ou a ex. Participe da Terapia do Amor, que acontece todas as quintas-feiras, na Universal, e descubra quais são os outros.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Andre Batista / Imagem: Reprodução Facebook katie.felegi 


reportar erro