Notícias | - 12:05 am


Os cuidados com a saúde da mulher2 min read

Saiba quais exames femininos precisam ser realizados de acordo com cada faixa etária

Os cuidados com a saúde da mulher2 min read

A saúde da mulher requer cuidados em todas as faixas etárias e a consulta ao ginecologista é imprescindível pelo menos uma vez ao ano. Essa é a orientação de Jurandir Passos, ginecologista e obstetra.

“é importante iniciar desde cedo a vigilância de doenças como o HPV, que está relacionado à incidência do câncer de colo de útero e de vulva, e câncer de mama. Isso porque quanto mais cedo elas forem detectadas, maior a chance de cura”, afirma.

O especialista também reforça que é fundamental investigar com atenção alguns antecedentes pessoais e familiares, estilo de vida, hábitos alimentares, trabalho, tabagismo e obesidade. “O check-up deve ser uma ferramenta individualizada de prevenção de doenças”, ressalta.

Confira a lista que separamos com os principais exames preventivos recomendados para o público feminino

Aos 20 anos ou no início da atividade sexual: Papanicolau, colposcopia, ultrassonografia pélvica ou transvaginal e ultrassonografia de mamas.

Acima dos 30 anos: além dos procedimentos solicitados aos 20 anos, é indicada a realização de exames para avaliar a função tireoidiana, como o TSH, T4 Livre, T3 e ultrassonografia de tireoide.

O TSH é o hormônio liberado por uma porção do cérebro que tem por função estimular a produção dos hormônios tireoidianos. Em resposta a esse estímulo, a tireoide produz os hormônios denominados T3 e T4, que podem estar ligados a algumas substâncias que ficam no sangue e por isso pode ser dosada a fração livre (T4L) ou total de cada um deles.

A partir dos 40 anos: mamografia anual, somada aos exames citados para as outras faixas etárias.

A partir dos 50 anos: quando a maioria das mulheres inicia o período da menopausa, o foco maior deve ser nos ossos e no coração. A realização de uma densitometria óssea logo após o início da menopausa se faz necessária. Dosagens hormonais e exames relacionados ao metabolismo do cálcio vão ajudar no acompanhamento e na prevenção da osteoporose.

A densitometria óssea estabeleceu-se como o método mais moderno e aprimorado para medição da densidade mineral óssea. O objetivo do exame é avaliar o grau da osteoporose e osteopenia (perda de massa óssea anterior à osteoporose), indicar a probabilidade de fraturas e auxiliar no tratamento médico. Sua realização ainda permite o monitoramento da massa óssea, avaliando a resposta a tratamentos e mudanças com o passar dos anos. O paciente não necessita de preparo especial nem de jejum para se submeter ao procedimento, que dura aproximadamente 15 minutos.

O Godllywood visa auxiliar mulheres em toda e qualquer situação, desde que ela deseje realmente ser auxiliada e moldada para uma mulher melhor. Conheça mais sobre o grupo e saiba como participar dos projetos clicando aqui.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Maiara Máximo / Foto: Fotolia 


reportar erro