Notícias | - 9:59 am


“O vício em jogos de azar tirou tudo de mim.”3 min read

Maria da Cruz era completamente dominada pelo vício em jogos. O vício não só tirou o dinheiro dela, mas também, o tempo e a família.

“O vício em jogos de azar tirou tudo de mim.”

Eu era viciada em jogos, gastava todo meu dinheiro em partidas de jogos, era completamente dominada. Não tinha controle nenhum, e isso prejudicou minha vida profissional e também minha família”, conta. 

O INÍCIO DA QUEDA

Antes, Maria tinha seu próprio negócio, mas adquiriu uma dívida muito grande que fechou os caminhos de sua empresa. 

“Fiz uma grande dívida, por causa disso, minha vida financeira ficou totalmente amarrada. Esses problemas fizeram de mim uma pessoa muito triste. A empresa que eu havia conquistado, perdi, tudo por causa dos vícios. Muitas vezes, peguei dinheiro emprestado e ao invés de fazer algo para mim e minha família, eu colocava no jogo. Parecia ser mais forte do que eu, eu não tinha limites e percebi que estava completamente perdida”, desabafa. 

É difícil para as pessoas que estão à volta entender a mente de alguém que está preso ao vício. É preciso uma força maior para o viciado entender e reconhecer que perdeu o controle, e que precisa de ajuda. 

“Perdi a paz e o respeito dos meus familiares. Sentia-me vazia e chorava muito, mas sozinha não conseguia mudar essa situação. 

No ano de 2018 fui diagnosticada com câncer de mama, foi um baque. Lembro-me que os maus pensamentos pressionavam a minha mente, para os médicos não tinha cura e teria que remover as mamas. Fiquei muito angustiada. 

O VIRAR DA PÁGINA 

Foi então que conheci a fé no nome de Jesus, e aprendi dia após dia a exercitá-la com sabedoria. A caminhada da fé não foi fácil, mas através dos propósitos que fiz com Deus fui liberta. Não sou mais escrava dos jogos, tenho paz e as dívidas foram pagas. O Senhor Jesus restaurou minhas finanças, fui curada do câncer, sem nenhum tipo de sequela e tudo isso através da fé. 

Deus me libertou de todo mal e transformou a minha vida em todas as áreas. 

Hoje eu sou um milagre! Mas, a minha maior vitória foi ter recebido o Espírito Santo. Ter e ser essa benção, é maior do que a cura do câncer, maior do que a restauração financeira e minha libertação. 

A minha vida hoje é para testemunhar que Deus fez e ainda faz milagres na vida daqueles que acreditam no seu poder. Hoje eu tenho a verdadeira paz”, finalizou. 

JOGO DE AZAR

COMO IDENTIFICAR UMA PESSOA VICIADA EM JOGOS DE AZAR?

O principal aspecto é que ela apresenta sinais de que não tem o controle sobre o impulso de apostar. Essa pessoa, normalmente, afirma que nunca mais vai fazer isso e no dia seguinte está jogando. Ela diz que vai gastar pouco e, às vezes, vai o salário inteiro em uma noite. O viciado passa horas jogando e volta para a casa de jogo para tentar recuperar o que perdeu.

QUAIS OS RISCOS E CONSEQUÊNCIAS PARA O JOGADOR?

O jogador desenvolve uma dependência comportamental muito grave. Ele passa a mentir para conseguir jogar, perde compromissos e, às vezes, tempo de trabalho. Os prejuízos são familiares, sociais, profissionais e financeiros. Além disso, o viciado também perde a moral e o respeito. Se não tratado, o fim da linha de um jogador é se tornar um mendigo ou tirar a própria vida.

Por que é difícil parar de fumar?

Encontre uma Universal mais perto de você.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Redação 


reportar erro