Notícias | - 3:00 am


O dia em que o Vale do Anhangabáu se transformou no “Vale das Bênçãos de Deus”3 min read

Mais de 300 mil pessoas participaram de evento realizado pela Universal. Saiba mais

O dia em que o Vale do Anhangabáu se transformou no “Vale das Bênçãos de Deus”3 min read

O ano de 1995 ficou marcado para a Universal por grandes movimentos e concentrações de fé em diversos estados brasileiros.

Só no mês de abril daquele ano foram realizados, sequencialmente, três grandes eventos: dia 14, no estádio do Pinheirão, em Curitiba, capital do Paraná; dia 15, no Vale do Anhangabaú, na capital paulista; e dia 21, no Estádio do Maracanã, na cidade do Rio de Janeiro.

Todas essas concentrações faziam parte do movimento denominado “Brasil 2000 – Futuro sem fome”, promovido pela antiga Associação Beneficente Cristã (ABC), que era apoiada pela Universal.

A campanha, de abrangência nacional, visava arrecadar 700 toneladas de alimentos não perecíveis, que seriam destinadas a populações carentes de todo o País.

Entre os eventos, o maior foi o do Vale do Anhangabaú, no qual mais de 300 mil pessoas estiveram presentes. Segundo reportagem do jornal Folha Universal na época, no dia do evento, logo pela manhã, 70 caminhões foram espalhados estrategicamente em diversos bairros da cidade para receber os alimentos, que foram distribuídos logo após o fim da concentração em asilos, creches, orfanatos e comunidades carentes.

“Uma multidão vinda de todo o estado de São Paulo lotou o Vale do Anhangabaú, o qual se transformou, no último dia 15, no ‘Vale das Bênçãos de Deus’”, dizia a reportagem.

“Uma prova maior de amor ao próximo”

A cabeleireira érica Ferreira Lima, de 37 anos, na época com 16, fazia parte do grupo de jovens da Universal do Jardim Brasília, na zona leste de São Paulo, e participou do evento. “Parou o Centro de São Paulo. Foram caravanas de todas as igrejas, tinha muita gente e havia muitos cantores evangélicos”, recorda-se.

Um dos momentos marcantes do evento foi a oração realizada pelo bispo Edir Macedo pelo fim da fome e da miséria que assolavam o País. E o pronunciamento que ele fez, que, diga-se de passagem, continua atual:

“Aqui estamos dando um pouco de nós para aqueles que não têm nada. A imprensa tem creditado o sucesso da Igreja Universal a uma pessoa, tem atribuído todo o trabalho da Igreja especificamente a mim. Eu, porém, pergunto a vocês, especialmente à imprensa: ‘Será que um homem é capaz de realizar tudo isso? é capaz de fazer tudo o que tem feito a Universal?’ Eu não tenho capacidade para fazer nada, pois, se assim fosse, a glória seria minha, e não de Deus. O Espírito de Deus está fazendo coisas grandiosas através de pessoas sinceras, e não hipócritas, como os principais religiosos. Toda honra e glória sejam dadas ao Senhor Jesus.”

A grandiosidade e a organização do movimento impressionaram as autoridades policiais e do Governo que estavam presentes. Mas o que mais marcou, sem dúvida alguma, foi ver a união de tantas pessoas, numa mesma fé, para ajudar os mais necessitados.

Como publicou a Folha Universal: “O evento do Anhangabaú foi, acima de tudo, uma prova maior de amor ao próximo.”

E você, também está disposto a compartilhar esse amor? Então conheça mais sobre a Universal e participe dos grupos de ações sociais da Igreja. Encontre o templo mais próximo de sua casa clicando aqui. Faça uma visita.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Jeane Vidal / Fotos: Arquivo CEDOC e Reprodução 


reportar erro