Notícias | 02.08.2018 - 2:05 am


Ministro da Justiça agradece trabalho da Universal2 min read

Governador do Rio Grande do Sul reforçou a importância do UNP. Saiba mais

Brasil tem a terceira maior população carcerária do mundo, com mais de 720 mil detentos, segundo o Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen), divulgado pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça. Isso sem contar os menores de idade, que são aproximadamente 30 mil jovens.

Evidentemente, não é fácil reeducar e ressocializar todas essas pessoas, especialmente quando se sabe que 89% da população carcerária adulta estão em presídios superlotados. Entre os centros de recuperação de menores infratores também existe superlotação em, pelo menos, 16 estados, segundo relatório da Comissão de Infância e Juventude do Conselho Nacional do Ministério Público. Sem condições nem sequer de abrigar essas pessoas, o Estado precisa de ajuda para fazê-las compreender que o crime não é solução para os problemas e que é possível, sim, voltar à vida em sociedade de maneira digna e honesta.

é esse o papel que o grupo Universal Nos Presídios (UNP) desempenha das casas de detenção brasileiras. Agindo há mais de 30 anos, os voluntários da Universal visitam diariamente centenas de presídios levando apoio material e espiritual aos internos. Somente em 2017, mais de 500 mil adultos e 27 mil menores nessa situação foram atendidos pelo UNP.

Em reconhecimento a esse trabalho realizado pela Universal, o Ministro da Justiça Torquato Jardim e o governador do Rio Grande do Sul José Ivo Sartori convidaram o pastor Jefferson Mesquita, responsável pela atuação do UNP-RS, para participar da cerimônia de assinatura de autorização para a construção de um novo presídio gaúcho.

“Agradecemos ao bispo Edir Macedo pelo trabalho que a Universal está realizando junto às casas prisionais do Rio Grande do Sul e do Brasil. Estamos muito felizes com essa parceria”, declarou o ministro.

Durante o encontro os políticos ressaltaram a importância da Universal na recuperação dessas pessoas e foram presenteados com a Bíblia Sagrada com Anotações de Fé do Bispo Edir Macedo, que foi feita em celebração aos 40 anos da Universal.

No estado, o UNP conta com 1.300 voluntários que atuam em 141 presídios, levando a Palavra de Deus, doações materiais, realizando atividades socioculturais e até mesmo oferecendo cursos profissionalizantes. Assista ao vídeo abaixo e conheça melhor o trabalho do UNP no estado.

No Brasil inteiro são mais de oito mil voluntários. Clique aqui e saiba mais sobre as atividades do grupo Universal Nos Presídios.


reportar erro