Notícias | - 12:05 am


Mãe elogia companheira do ex-marido na rede social2 min read

A publicação impressionou milhares de internautas de vários países e serviu de lição para muita gente

Mãe elogia companheira do ex-marido na rede social2 min read

Em histórias infantis, a maioria das madrastas é malvada. Na vida real, elas também são vistas com uma imagem negativa e, por isso, podem enfrentar algumas dificuldades. Uma das situações mais comuns é ter que lidar com a rejeição dos enteados e da ex-mulher do marido. Contudo, em Virgínia, nos Estados Unidos, uma madrasta foi elogiada publicamente pela mãe biológica de sua enteada, o que já rendeu milhares de compartilhamentos nas redes sociais.

Audrey Nicole, de 24 anos, (foto ao lado) publicou um lindo texto em seu Facebook em que agradecia a madrasta da menina, Whitney Mcgraw, (foto abaixo) por cuidar de sua filha Riley, de 4 anos, quando ela está na casa do pai. A publicação já tem mais de 148 mil compartilhamentos e 370 mil curtidas. “Sinto gratidão imensa por ela porque, nos dias em que minha filha a visita, ela a alimenta, toma conta dela, compra presentes… Cuida da criança como se fosse dela. Por que tantas mães agem de maneira venenosa e com inveja em relação a outras mulheres?”, questiona.

A mãe da criança também incentivou as pessoas a não desvalorizarem os esforços das madrastas. “Ninguém disse que é fácil tentar ser mãe de uma criança que não é sua. Por isso, quando alguém tenta fazer isso tão bem, não seja contra! Pense que, se essas boas madrastas forem embora, talvez seu filho acabe nas mãos de uma madrasta terrível. Isso pode, sim, acontecer”, afirmou.

Reconhecimento

Em seu texto, Nicole ainda sugere que as mulheres cultivem laços de afeto em vez de construírem uma relação problemática. “Uma criança pode, sim, ter duas mães. No meu ponto de vista, quanto mais pessoas amarem minha filha, melhor para ela. Ficarei feliz! Eu jamais faria essa mulher se sentir rejeitada. Mulheres, cresçam! Foquem em ser boas mães, em vez de exagerar na preocupação com o Facebook ou o Instagram da namorada do seu ex. Amem mais, odeiem menos”.

A gratidão de Audrey foi enaltecida e divulgada em jornais de diversos países.

Relação respeitosa

Para que o convívio com alguém que não é seu familiar se torne saudável, é importante evitar brigas ou ficar magoado com a situação. O melhor a fazer é cultivar a harmonia, o amor e o respeito.

Vale a pena se esforçar para desenvolver uma boa convivência familiar, pois o carinho investido contribuirá para a felicidade de todos. No caso citado, a mãe e a madrasta se respeitam, o que tem refletido positivamente no desenvolvimento da menina.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Débora Vieira / Fotos: Reprodução  


reportar erro