Notícias | - 3:05 am


Jejum de Daniel: preso injustamente, ele ganhou almas dentro de penitenciária1 min read

César não se revoltou e usou a oportunidade para levar a Palavra a quem necessitava

Jejum de Daniel: preso injustamente, ele ganhou almas dentro de penitenciária1 min read

Após ser batizado com o Espírito Santo em uma das edições do Jejum de Daniel, César foi acusado de cometer um assassinato e teve a sua liberdade privada durante 2 meses e 4 dias. Segundo ele, mesmo sendo inocente e preso por algo que ele não cometeu, não se revoltou e aproveitou a sua permanência na penitenciária para evangelizar e levar o alimento espiritual aos necessitados.

Assista ao vídeo abaixo e conheça a história de César e o poder do Espírito Santo na vida dele:

Durante todos os dias da semana, César realizava uma oração a todos os companheiros de cela. E não apenas isso, ele foi além. “Quando começava o programa Momento do Presidiário (transmitida pela rádio), eu os chamava para escutar a música. O que o Bispo Macedo falava, eu falava à noite, também, para eles”, explica.

A sua história se tornou conhecida, pois sua amiga, Iolanda, do grupo Força Jovem Universal (FJU), levou o testemunho de César ao bispo Antônio Moraes, da Catedral de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

No altar, eles testemunharam. Assista ao vídeo abaixo:

Você já participou alguma vez do Jejum de Daniel? Deixe o seu comentário abaixo, contando as suas experiências e, assim, ajude outras pessoas com o seu testemunho.

Participe, também, das reuniões diárias que acontecem na Universal. Clique aqui e localize o endereço de uma Igreja mais próxima de sua casa. Você ainda pode falar agora mesmo com um Pastor Online.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Débora Picelli / Foto: Reprodução 


reportar erro