Notícias | - 11:45 am


Igreja Universal nos Estados Unidos promoveu campanha de vacinação contra a Covid-192 min read

Mais de 800 doses foram distribuídas gratuitamente à comunidade de língua portuguesa.

Igreja Universal nos Estados Unidos promoveu campanha de vacinação contra a Covid-19

A vacina contra a Covid-19 é a principal esperança para conter a disseminação do novo coronavírus, mas ainda desperta dúvidas em muitas pessoas. No entanto segue a passos largos para que a população mundial seja vacinada em um curto espaço de tempo.

Segundo o Our World in Data, 267 milhões de pessoas já foram vacinadas com pelo menos uma dose até ao momento e cerca de 119 milhões, ou 36,3% da população adulta dos Estados Unidos já estão completamente imunizadas.

Os Estados Unidos são um dos países cuja campanha de vacinação avança com mais rapidez, com uma taxa de imunização de 61,6 doses administradas por 100 habitantes, levando em conta toda a população do país, e não apenas os adultos.

Entre os países com mais de 5 milhões de habitantes, o número americano fica atrás de Israel, que lidera com 119,15 doses aplicadas por 100 pessoas.

Pensando em toda a comunidade de língua portuguesa, o projeto Unisocial da Igreja Universal nos Estados Unidos, no mês de maio, promoveu uma campanha de vacinação contra o Covid-19 nos estados da Flórida e New Jersey. Os templos das igrejas foram cedidos para a vacinação, a distribuição foi feita gratuitamente auxiliando a toda comunidade que não tem seguro de saúde no país.

Centenas de pessoas fizeram fila para receber a vacina de forma segura e eficaz, foram mais de 800 doses, divididas entre a Pfizer e Johnson & Johnson.

A prioridade da Igreja Universal sempre será servir e apoiar a comunidade não apenas âmbito físico, mas principalmente espiritual, por isso se você precisa ou conhece alguém que precisa de ajuda, clique aqui e encontre uma igreja mais perto de você.

 

Encontre uma Universal mais perto de você. 


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Redação / Fonte: ourworldindata.org 


reportar erro