Notícias | - 3:00 am


Força Jovem Universal acredita na juventude4 min read

Jovens em diversos países do mundo têm se beneficiado com os trabalhos realizados pelo grupo

Força Jovem Universal acredita na juventude4 min read

Desde seu início, a Universal se preocupa com a juventude. Porém, na época, a Força Jovem Universal (FJU) não tinha o formato nem a estrutura atual, mas sempre esteve presente nas igrejas.

Força Jovem Universal acredita na juventude

Em meados de 1986, o então pastor Marcello Brayner foi designado para desenvolver o grupo. “O trabalho iniciou-se no antigo cinema na Avenida Celso Garcia, 499, com cerca de cinco jovens, em encontros que fazíamos aos sábados. Não havia um nome específico, nos reuníamos em atividades esportivas e de lazer em praça. Formamos uma banda inicialmente, na qual eu mesmo tocava alguns instrumentos. Dessa forma o número de jovens ia crescendo a cada encontro”, conta o bispo Brayner, que é o atual responsável pelo grupo no Brasil.

Há quatro décadas, a Universal faz o trabalho com os jovens, que crescem com a igreja. “A diferença do grupo do início da Universal e o de hoje está na estrutura do projeto. Assim como a igreja amadureceu, se desenvolveu, cresceu e se estruturou, o trabalho com os jovens seguiu o mesmo ritmo. A intenção continua a mesma: fazer com que os jovens descubram e desenvolvam o seu talento e, sobretudo, sejam salvos”, afirma o bispo.

Com o lema “nós acreditamos em você”, o FJU tem como principal objetivo dar assistência à juventude que sofre, sem perspectiva de vida, e está perdida nos caminhos que o mundo tem oferecido. “O papel do FJU é recuperar jovens dos vícios e da marginalidade, ensinar valores morais, levá-los a descobrir e desenvolver seus talentos e, sobretudo, fazer com que alcancem a Salvação da alma. Quando ninguém mais acredita em um jovem – ainda que haja motivos para isso –, nós acreditamos. Acreditamos que ele possa ser transformado pela fé e, por meio das atividades desenvolvidas no grupo, possa ser restabelecido para a sociedade”, lembra Brayner.

Só no Brasil o FJU conta com aproximadamente 200 mil voluntários e tem alcançado mais de 800 mil jovens no País. Isso só foi possível por meio das diversas ações e atividades realizadas. “O FJU tem muitas ferramentas para trabalhar com os jovens, como os projetos que desenvolvemos. Mas, sem dúvida, o melhor caminho é falar a linguagem da juventude por meio de ações sociais e eventos, como “Saiba Dizer Não”, “Vale a Pena Viver”, “Futshow”, “Nocaute ao Crack”, atividades culturais, esportivas, sociais e espirituais”, finaliza o bispo Brayner.

Conheça um pouco de cada projeto do FJU

Arcanjos – O grupo tem como propósito resgatar quem um dia fez parte do FJU mas que por algum motivo largou o caminho da fé. Os jovens voluntários se empenham em ajudá-los para que, juntos, possam resgatar outras pessoas que também se desviaram.

Atalaia – O projeto tem o compromisso de apresentar os trabalhos do FJU para os que acabaram de chegar à Universal e ainda não conhecem o grupo, que também desenvolve e realiza atividades com o intuito de ajudar os moradores de rua.

UniForça – O grupo é formado por voluntários que são responsáveis pela organização e pelo apoio nas reuniões e nos eventos do FJU. Juntos, eles promovem ações sociais, como doações de sangue e cestas básicas a famílias carentes. O projeto possui parcerias importantes com a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros e auxilia os profissionais e a população em casos de desastres, enchentes e incêndios.

Esportes – O projeto proporciona aos jovens a oportunidade de praticar diversas modalidades esportivas e descobrir talentos. Ainda tem como objetivo combater as drogas por meio das práticas esportivas e o trabalho nas comunidades.

Mídia – Tudo o que acontece no FJU é divulgado por meio do projeto, com recursos escritos, fotográficos e audiovisuais, além de propagar o Evangelho. Eles atuam como uma agência de comunicação, em especial nas redes sociais.

Universitários – O projeto une universitários para incentivar e auxiliar outros jovens a ingressarem na vida acadêmica. Também realiza ações sociais e promove feiras e palestras vocacionais para aqueles que procuram uma colocação no mercado de trabalho.

Cultura – O projeto é formado por jovens que querem descobrir e desenvolver seus talentos por meio de grupos de dança, teatro, canto e habilidades com instrumentos. O ideal é fazer com que os integrantes se conheçam, vençam os próprios medos e limitações e se aperfeiçoem no que gostam. O grupo também visa alcançar outros jovens por meio da mensagem de suas apresentações, além de levar entretenimento inteligente.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Michele Francisco / Fotos: Mídia FJU e Cedida 


reportar erro