Notícias | - 10:16 am


EUA vão conceder autorizações de trabalho para imigrantes vítimas de crimes2 min read

EUA vão conceder autorizações de trabalho para imigrantes vítimas de crimes

Uma nova política de imigração dos EUA anunciada na segunda-feira, 14, vai expandir o acesso a autorizações de trabalho e alívio de deportação para alguns imigrantes que são vítimas de crimes enquanto seus casos de visto estão pendentes.

Os Serviços de Cidadania e Imigração dos EUA (USCIS, na sigla em inglês) criarão um processo que poderá permitir que dezenas de milhares de requerentes de vistos recebam autorizações de trabalho, se suas reivindicações forem consideradas feitas de boa fé e sem a intenção de fraudar o sistema de imigração, informou a agência.

O presidente democrata Joe Biden prometeu tornar o sistema de imigração dos EUA mais humano e reverteu muitas das políticas restritivas do ex-presidente republicano Donald Trump.

Os Estados Unidos oferecem 10.000 vistos anualmente para imigrantes que são vítimas de certos crimes e que auxiliam nas investigações ou processos judiciais. Os vistos fornecem acesso a uma autorização de trabalho e a possibilidade de solicitar residência permanente após três anos, mas a alta demanda significa que os candidatos atualmente esperam pelo menos cinco anos até que possam receber a autorização de trabalho, de acordo com o USCIS.

Para se qualificar para um visto, os candidatos devem ser vítimas de violência doméstica, tráfico ou outros crimes graves. Certos familiares de candidatos aprovados também podem solicitar vistos.

O número de requerentes de visto que se qualificarão para autorizações de trabalho sob a nova política permanece incerto.

O USCIS está considerando atualmente cerca de 269.000 candidatos ao visto, de acordo com dados da agência até dezembro. No entanto, nem todos esses candidatos estão nos Estados Unidos, disse um porta-voz da agência à Reuters.

Em um comunicado, o secretário de Segurança Interna, Alejandro Mayorkas, disse que a medida ajudaria as vítimas e promoveria a segurança pública.

“São indivíduos que se apresentaram para ajudar a aplicação da lei a nos manter seguros, mas que também precisam de uma medida de proteção para si mesmos”, disse ele. Com informações da Reuters.

 

Encontre uma Universal mais perto de você. 


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Fonte: gazetanews.com  


reportar erro