Notícias | - 3:05 am


Ela deu um tempo e ele conheceu outra. E agora?3 min read

Veja o que Renato e Cristiane Cardoso pensam sobre este assunto

Ela deu um tempo e ele conheceu outra. E agora?3 min read

Você já esteve em um relacionamento em que precisou dar um tempo para pensarem melhor se deveriam ou não continuar juntos? Bruna, aluna do programa A Escola do Amor Responde, passa por esse dilema, mas com um agravante: nesse tempo em que esteve afastada do namorado, ele conheceu outra pessoa. Veja o que os professores Renato e Cristiane Cardoso recomendam a ela.

Bruna – Tenho um relacionamento de quase quatro anos. Ficamos 23 dias separados e agora voltamos. Nesse tempo, ele não chegou a namorar, mas conheceu outra mulher. Diz que me ama muito, mesmo com meus defeitos, e que sou a pessoa perfeita para ele. O problema é que agora estou muito insegura com esse relacionamento. O que posso fazer?

Renato – Bruna, pelo que entendi, ele se envolveu com outra mulher, mas diz que você é a pessoa perfeita para ele e que a ama. E agora, que estão juntos novamente, provavelmente nada mudou nem foi resolvido. Aliás, agora tem um agravante: ele ficou com outra no período de separação. Já tem esse “monstrinho” a mais, esse “fantasminha” extra para você lidar, além de ter que enfrentar os problemas que levaram a essa breve separação. Há como resolver esse relacionamento, sim, mas primeiro você precisa entender o que a causou. Como nós sempre comentamos com nossos alunos, não basta o casal voltar e dar mais uma chance para a relação se não houver mudança quanto ao que os levou a dar esse tempo.

Cristiane – E, na verdade, o que aconteceu nesses 23 dias em que estiveram separados foi uma traição por parte dele. Acredito que vocês não falaram que o relacionamento tinha acabado ou que não queriam mais nada um com o outro. Se fosse isso não teria problema algum cada um seguir sua vida e conhecer outra pessoa. Mas, como vocês se separaram por, talvez, estarem brigando muito, com problemas que estavam insuportáveis, não quer dizer que poderiam se relacionar com outra pessoa, porque vocês estavam dando apenas um tempo. Tempo para que a outra pessoa se ajustasse, respirasse, pensasse direitinho no que tem feito de errado. E parece que ele não fez isso.

Renato – Não sabemos se esse foi o caso do seu namorado, mas, muitas vezes, a pessoa aproveita a separação para fazer tudo que ela já queria fazer antes. é como se ela aproveitasse um detalhe, uma brecha dada pelo outro.

Cristiane – Bruna, você não deveria ter voltado com ele, você errou. Deixou que ele entrasse novamente no relacionamento como se nada tivesse acontecido – e aconteceu, sim. é normal que fique insegura e que tenha dificuldade em confiar nele de novo.

Renato – Mas, se você quer de fato restaurar a confiança nessa relação, voltar a ter segurança, vocês dois vão ter de trabalhar juntos nisso. Se ele realmente quer conquistá-la, essa é a sua oportunidade de falar para ele tudo o que pensa: que está insegura e que será necessário que trabalhem unidos para reconstruir esse relacionamento. O primeiro passo é que os dois escrevam em um papel, sendo claros para que não restem dúvidas, as coisas e os comportamentos de ambos que terão de mudar. Mas não termina aí. Pode acontecer de vocês saberem o que é preciso mudar, mas não terem forças e sabedoria para fazê-lo. Sendo assim, vocês deverão receber ajuda por meio das palestras da “Terapia do Amor”. Nelas, nós vamos mostrar como vocês vão vencer isso. Contudo, antes é preciso que você coloque essa condição para ele. Se ele falar que não precisam de palestra nenhuma e se recusar, não caia na mentira e nessa falsa afirmação dele. Se vocês não fizerem algo diferente, não acontecerá nada na vida amorosa dos dois e vocês não terão resultados.

é preciso buscar ajuda e trabalhar o relacionamento de vocês de forma inteligente.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Lorrainne Silva / Foto: Fotolia 


reportar erro