Notícias | - 12:05 am


Amizades tóxicas3 min read

As más influências levaram Danilo de Oliveira a passar pelas piores dores de sua vida

Amizades tóxicas3 min read

As amizades podem acrescentar algo em nossas vidas. Mas nem todas são assim. Enquanto umas ajudam, outras podem influenciar de forma negativa as nossas vidas. O que acontece é que muitas pessoas não conseguem perceber os prejuízos de amizades assim e, por isso, sofrem as consequências.

Com os pais separados, o segurança Danilo Oliveira (foto ao lado), de 23 anos, encontrou nos amigos uma inspiração para seguir. Por crescer em um ambiente cheio de brigas e conflitos, Danilo ficou com uma revolta dentro dele. Aos 14 anos, ele se envolveu com amizades erradas, começou a fumar, usar drogas, beber e ter diversas namoradas. Seus amigos eram todos envolvidos com a criminalidade e com o tráfico. Ele se deixou levar por essas influências.

Aos 16 anos, Danilo foi apreendido e permaneceu na unidade de Atendimento Socioeducativo de Salvador (CASE), acusado de tentativa de triplo homicídio, tráfico de drogas, formação de quadrilha e roubo à mão armada. “Por crescer em um lar conturbado, eu tinha pensamentos e atitudes ruins. As situações que vivenciei na CASE me tornaram uma pessoa pior, eu era muito perverso.”

O jovem foi acumulando sentimentos de ódio e raiva das pessoas. Todo o tormento que estava passando fez com que ele tentasse se matar várias vezes. Não bastasse essas ocorrências, o garoto não conseguia dormir, vivia angustiado e triste. “O meu projeto quando saísse de lá era de matar. Eu tinha anseio e sede de morte, o meu prazer era esse.”

Após dois anos e quatro meses detido, ele permaneceu em liberdade assistida. Mas ele ainda não conseguia vencer as suas vontades e continuou no mundo do crime, usando drogas e bebendo deliberadamente. “Muitas vezes acordei com vontade de matar. Certo dia, fiquei na beira da cama da minha mãe com uma faca na mão pensando em matá-la, e também o meu padrasto, mas eu não conseguia”, relata.

Na tentativa de fugir dos problemas, o jovem foi morar na casa da irmã em outra cidade. Ele recebeu um convite da sobrinha e decidiu conhecer a Universal. “Fazendo as correntes de libertação, o desejo de mudar só aumentava dentro de mim. Isso até o dia em que decidi me entregar a Deus por completo”, lembra.

Danilo passou por muitos conflitos para deixar a vida do crime e os vícios, porém, a chance de uma nova vida o motivava a permanecer em comunhão com Deus. “A minha vida eu vejo como um milagre. Se eu não tivesse mudado, eu tenho a certeza de que estaria morto. Nada paga a paz e a alegria que eu tenho hoje”, finaliza.

Está passando por problemas de ordem espiritual? Saiba como livrar-se deles participando todas as sextas-feiras da Reunião de Libertação na Universal. Os horários das reuniões podem variar de um lugar a outro. Acesse www.universal.org/enderecos e encontre uma Universal mais próxima de você para participar.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Michele Francisco / Fotos: Cedidas 


reportar erro