Notícias | - 12:30 am


A bênção das bênçãos4 min read

O batismo com o Espírito Santo não é uma opção, mas a garantia da Salvação

A bênção das bênçãos4 min read

A Bíblia fala que, logo após ressuscitar e antes de subir ao céu, Jesus foi visto por mais de 500 pessoas. Essas pessoas eram seguidoras do Senhor Jesus durante o ministério dEle aqui na Terra e tiveram o alto privilégio de vê-Lo a olho nu, de serem testemunhas oculares da Sua ressurreição.

Quando isso ocorreu, Jesus advertiu que elas não se ausentassem de Jerusalém até que a promessa de derramamento do Espírito Santo se cumprisse: “E eis que sobre vós envio a promessa de Meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.” Lucas 24.39

Dessas pessoas, apenas 120 permaneceram fiéis e obedeceram à orientação do Senhor Jesus e não retornaram às suas casas, aldeias ou vilas. Permaneceram em Jerusalém até que a promessa se cumprisse.

Assim será na vinda do Senhor Jesus, esclareceu o bispo Edir Macedo durante a Palavra Amiga transmitida pela Rede Aleluia de rádio (99.3 FM), citando o exemplo da parábola das dez virgens. As cinco virgens néscias eram indolentes, loucas. Levaram as lamparinas mas não levaram o azeite extra, para que, na falta da luz, recorressem a ele. Já as cinco virgens prudentes usaram a fé inteligente. Além das lamparinas, levaram o azeite extra e, assim, quando Jesus veio, entraram, porque estavam preparadas, enquanto as outras ficaram do lado de fora (leia na Bíblia Mateus 25).

“Muitas pessoas que estão dentro das Igrejas e que se dizem cristãs vão à igreja às quartas e domingos, falam de Jesus para outras pessoas, mas não vivem a fé, têm uma vida irregular. Às escondidinhas vivem os seus pecados e têm consciência disso, porque quem vive no pecado sabe que está vivendo no pecado. Essas pessoas, apesar de frequentarem uma Igreja, uma denominação, são indolentes, preguiçosas. Pensam, de forma equivocada, que a graça de Deus basta”, destacou o bispo, acrescentando que essas pessoas, a exemplo das virgens néscias, não estão fazendo caso da volta do Senhor Jesus. “Elas querem cuidar da vida delas neste mundo e ficam nessa conversa de que ‘a graça de Deus me basta’. Vai nessa conversa. Você que não lute, não faça a sua parte para ver se vai entrar (no céu).”

Assim, os néscios ficarão do lado de fora e dirão: “Senhor, Senhor! Abre-nos a porta! E Jesus lhes responderá: ‘Não vos conheço!’” Pois Ele só conhece aqueles que são fiéis, não por algum tempo, mas até o fim. é fidelidade por toda a vida.

Vale observar que Deus só chama Abraão de servo após a sua morte. Ou seja, ele morreu servo. “O mesmo acontece com os demais que foram servos até a morte. Se caíram no finalzinho, deixaram de ser servos. Servos têm que ser até o último suspiro.”

Quesito obrigatório

Receber o Espírito Santo não se trata de uma opção ou de uma doutrina. Ele é quesito obrigatório para quem deseja manter as suas vestes limpas, manter o seu caráter, a sua fidelidade e integridade espiritual. Enfim, manter a Salvação em dia.

Somente as 120 pessoas que obedeceram à ordem do Senhor Jesus e aguardaram em Jerusalém foram batizadas com o Espírito Santo.

Nesta quinta-feitra, 9 de fevereiro, terá início, em toda a Universal, o Jejum de Daniel. Serão 21 dias em que você vai permanecer em Jerusalém, vai se desligar de todas as distrações deste mundo e vai aguardar em espírito para que haja o derramamento do Espírito Santo na sua vida, a exemplo do que aconteceu com os 120 que obedeceram.

Contudo, o bispo Macedo deixa claro que não é uma imposição, mas uma decisão pessoal. “é uma determinação sua, entre você e Deus. Ninguém vai fiscalizar você. Você fala com Deus e decide pagar o preço que for para receber o Espírito Santo. Você decide mergulhar nessa campanha de fé porque quer o Espírito Santo. Ainda que custe a sua própria vida, o seu casamento, os seus familiares, o seu futuro, não importa, você está decidido a pagar o preço.”

Ele explica ainda que tomar posse do Reino dos Céus não é tomar posse de uma bênção que dura apenas por um tempo, mas é tomar posse da bênção das bênçãos, que durará por toda a Eternidade.

é fácil? Não. Você terá que negar a sua vontade, o seu coração, a sua curiosidade, para então focar somente nas coisas do Alto.

Para alimentar o seu espírito, além da leitura e meditação na Palavra de Deus e de participar com mais assiduidade das reuniões na Universal, você ainda tem disponível uma série de ferramentas que irão contribuir para mantê-lo conectado aos pensamentos de Deus, como a TV Universal, blogs – bispo Macedo, Ester Bezerra, Renato Cardoso, Cristiane Cardoso, Júlio Freitas e Viviane Freitas –, a plataforma Univer Vídeo, a Rede Aleluia e muito mais.

Compartilhe nas redes sociais.

(*) Texto baseado na Palavra Amiga do bispo Macedo


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Jeane Vidal (*) / Foto: Thinkstock 


reportar erro