Notícias | - 12:05 am


O rei de Jerusalém3 min read

Em entrevista exclusiva, o ator Mário Frias fala de seu personagem, Adonizedeque, o próximo a ser aniquilado pelos hebreus

O rei de Jerusalém3 min read

“Adonizedeque é o meu primeiro personagem bíblico. Quando recebi o papel e fiz a pesquisa, fiquei muito empolgado. Ele é um rei de várias faces, um homem estrategista, mas que guarda segredos aterrorizantes.” A revelação é do ator Mário Frias, que interpreta o rei Adonizedeque na novela A Terra Prometida, em entrevista exclusiva à Folha Universal.

Adonizedeque, rei de Jerusalém, tem sua história mencionada nas Escrituras Sagradas, no livro de Josué. Uma leitura que o ator diz que o ajudou bastante no desenvolvimento do papel. “Pude fazer uma pesquisa enriquecedora com a Bíblia. Nos textos, o rei mostrava algumas peculiaridades. Por exemplo, não mandava decapitar ninguém, mas era conhecido por arrancar os polegares das mãos das pessoas”, detalha Mário.

O ator conta que o rei Adonizedeque lhe trouxe novas experiências. “Eu pude conhecer uma parte do Velho Testamento que não conhecia e isso foi enriquecedor para mim”, diz. E completa dizendo “passei meses estudando e vivendo o papel, então é natural que a história faça parte de mim”.

Para Mário, além das pesquisas, todo o envolvimento com o cenário e o figurino o ajudaram a compor o perfil do personagem, que procura de todas as formas defender o seu reino dos hebreus. “O plano do rei Adonizedeque é estar a favor de seu povo. Na minha opinião, não existe ninguém tão bom ou tão mal. Ele está brigando pelo seu reino. Jerusalém era considerada uma potência econômica. Então, ele estava ali cumprindo o seu papel de zelar por aquele lugar”, explica.

Diferentemente de outros reis, quem sempre está ao lado do soberano de Jerusalém é sua única filha, a jovem Úrsula, interpretada pela atriz Leticia Peroni.

O rei de Jerusalém

Com a ausência da rainha, que está trancada junto a mãe há anos em uma das masmorras do reino, a menina cresceu sendo mimada pelo rei Adonizedeque, que fez da garota o grande amor de sua vida. “Úrsula é sua grande companheira, mas ele a mima demais, para compensar a falta que a menina possa ter da mãe”, afirma.

Como pai, o ator diz que esse mimo pode transformar a criança em um adulto sem freios, como é o caso da filha de seu personagem. “Ele faz tudo o que ela pede, mesmo que sejam pedidos para matar alguém, já que naquela época matar ou morrer era algo natural. Por isso, ela se transformou em uma criança sem limites”, lembra o ator.

A batalha

O público poderá acompanhar a história e saber quais os segredos que esse rei esconde e se surpreender com mais uma vitória dos hebreus nos próximos capítulos.

O rei fará alianças com os reinos vizinhos com o objetivo de destruir os hebreus. Para o autor da trama, Renato Modesto, a batalha entre os hebreus e o exército formado pelo rei Adonizedeque “será um dos momentos mais importantes da novela, pois retrata a passagem bíblica mais famosa do livro de Josué”, lembra.

Nas Escrituras Sagradas o confronto é descrito no capítulo 10 nos versículos 13 e 14: “E o sol se deteve, e a lua parou, até que o povo se vingou de seus inimigos. Isto não está escrito no livro de Jasher? O sol, pois, se deteve no meio do céu, e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro. E não houve dia semelhante a este, nem antes nem depois dele, ouvindo o Senhor assim a voz de um homem; porque o Senhor pelejava por Israel.”

Modesto adianta uma parte do desfecho da história do rei. “Depois de perder para os hebreus, o rei Adonizedeque e seus aliados recebem a punição que está descrita na Bíblia. Após serem presos dentro de uma caverna em Maquedá, eles são enforcados. Daí em diante, Josué e os hebreus seguem vencendo reino após reino até a concretização do grande objetivo deles: a conquista total da Terra Prometida”, afirma o autor.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Maiara Máximo / Fotos: Munir Chatack 


reportar erro