Notícias | - 3:05 am


Mudanças que permanecem4 min read

Construir um relacionamento com Deus traz consequências sólidas. Confira exemplos de pessoas que alcançaram esse resultado no Templo de Salomão

Mudanças que permanecem4 min read

Conhecer a Deus é um privilégio. Mas, para construir uma relação próxima com Ele, é necessário continuar prosseguindo a conhecê-lO todos os dias. Dessa forma, a intimidade com Ele aumenta e se constrói um relacionamento enraizado em Suas Palavras.

Quando há esse zelo em estar sempre buscando conhecer a Deus, cada momento dedicado a Ele torna-se uma experiência que faz a pessoa crescer cada vez mais. Sendo assim, Ele é capaz de mudar todas as áreas da vida dela por completo.

Raphael Abib de Souza Ribeiro (foto abaixo), de 26 anos, conheceu a Deus há quase três anos em uma reunião na Universal logo depois de ter vivido um relacionamento amoroso conturbado e ter carregado dentro de si sentimentos de ódio e revolta por ver sua família ser sempre humilhada. “Minha conversão se deu quando eu pude perceber que não tinha ninguém que pudesse me ajudar a ser uma nova pessoa. Então, decidi andar em uma nova vida, me batizar e entregar a minha vida a Jesus”, lembra.

Mudanças que permanecem

A decisão de Raphael começou a ser vista quando ele passou a colocar em prática o que aprendia. “Fui mudando a maneira de falar, deixando os palavrões fora de meu vocabulário, minhas vestimentas e até mesmo a timidez que eu achava que era algo impossível de perder”, revela.

Contudo, ele sabia que precisava prosseguir buscando a Deus para ver sua vida totalmente modificada. Ao frequentar as reuniões em favor da vida espiritual no Templo de Salomão, ele teve uma nova experiência com Deus. “Quando pisei no Santuário pela primeira vez, ouvi de Deus que a minha vida seria como esse lugar, cheio de paz. E que eu teria paz não só dentro do Templo ou nas igrejas, mas em qualquer lugar que eu estivesse”, destaca.

Aquela experiência dentro do Templo de Salomão o fez compreender que a intimidade com Deus seria o mais importante para que sua vida estivesse sob o controle dEle. Então, Raphael foi batizado com o Espírito Santo. “No momento que eu me humilhava no quarto, acendia cada vez mais forte dentro de mim a certeza de que Deus estava comigo. Veio sobre mim uma paz tão grande, parecida com aquela de quando havia entrado no Templo. Me levantei sabendo que Jesus não mais andava ao meu lado, mas sim dentro de mim.”

Depois dessa data, Raphael conseguiu resolver seus conflitos internos, pois havia recebido a direção e a sabedoria para saber lidar com eles. “As reuniões do Templo têm me ajudado a me aperfeiçoar a cada dia para agradar a Deus. Tenho uma profissão e um casamento abençoados, mas o principal é estar fazendo a vontade de Deus”, ressalta.

Multiplicação

Mudanças que permanecem

A empreendedora Suzana Xavier de Oliveira (foto ao lado), de 40 anos, também viu sua vida mudar quando passou a buscar uma comunhão maior com Deus.

Antes de conhecê-lO, ela tinha muitos problemas nas áreas financeira, familiar, sentimental e espiritual. Mas, há cerca de um ano, decidiu parar de tentar resolvê-los sozinha para contar com a ajuda dEle. “Eu me vi abandonada por todos. Então, pedi de todo coração para que Deus mudasse a minha vida ou a tirasse, porque eu não a aguentava mais”, revela.

Em uma tarde de segunda-feira, ela entrou pela primeira vez no Templo de Salomão e pôde notar o quanto Deus poderia auxiliá-la. “Ali me lembrei de um versículo do livro de Isaías que diz: ‘Não temas, Eu sou contigo’. Então, percebi que Deus me abraçava e me tocava.”

A partir daquele dia, Suzana desejou conhecer a Deus incessantemente. Passou a frequentar as reuniões pela vida espiritual e foi tendo experiências que foram lhe ensinando a construir uma relação sólida com Ele.

Devido a essa decisão de fé, seus problemas começaram a ser resolvidos. Mas ela entendia que precisava ainda mudar o seu interior. “Eu queria muito ser diferente, então, comecei a pedir a Deus para que Ele me ensinasse. Precisava me transformar, principalmente na educação dos meus filhos.”

Durante as reuniões no Templo, Deus lhe respondeu. “Percebi que eu sempre havia colocado meus filhos em primeiro lugar. Então, aprendi a olhar para Deus primeiramente, depois cuidar de mim e, em seguida, cuidar dos meus filhos. Assim, tudo foi mudando dentro de mim.”

Em seguida, Suzana teve uma experiência marcante que a fez conhecer mais profundamente o Senhor Jesus. “Fui batizada com o Espírito Santo, tive uma leveza na alma e fui preenchida com uma paz que eu nunca tinha sentido na vida”, conta.

Essa experiência fez com que ela desejasse compartilhar o que havia recebido com outras pessoas que sofrem e, a partir daquele dia, entrou no grupo de Evangelização. “Senti uma grande vontade de ajudar os necessitados, porque, dessa forma, poderia levar até eles o que eu também havia recebido”, conclui.

Veja as novas instruções para participação nas reuniões do Templo de Salomão clicando aqui. Para obter outras informações, você também pode entrar em contato com a Central de Informações do Templo de Salomão: (11) 3573-3535 ou info@otemplodesalomao.com.


Igreja Universal
  • Por Janaina Medeiros / Fotos: Demetrio Koch e Arquivo Pessoal 


reportar erro