Notícias | - 3:15 am


Leia a Bíblia em 1 ano – 90º dia11 min read

Levítico 1 e 2, João 21 e Provérbios 18

“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento…” Oséias 4.6

Conhecer a Bíblia é muito importante para todos nós, especialmente nos momentos mais difíceis de nossas vidas, pois Deus fala conosco por meio de Sua Palavra. O Espírito Santo nos conduz, nos orienta, e quando passamos por tribulações, Ele nos faz lembrar do que está escrito na Bíblia, de uma Palavra de Deus que nos conforte. Mas só nos lembraremos se tivermos conhecimento Dela.

Por isso, elaboramos um plano para que você leia a Bíblia em 1 ano. Se você ainda não começou, clique aqui e comece agora, não deixe para amanhã. Você verá o quanto isso transformará a sua vida.

Se você já está nesse propósito, acompanhe a leitura de hoje:

Levítico 1

1. E chamou oS enhor a Moisés, e falou com ele da tenda da congregação, dizendo:

2. Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Quando algum de vós oferecer oferta ao Senhor, oferecerá a sua oferta de gado, isto é, de gado vacum e de ovelha.

3. Se a sua oferta for holocausto de gado, oferecerá macho sem defeito; à porta da tenda da congregação a oferecerá, de sua própria vontade, perante o Senhor.

4. E porá a sua mão sobre a cabeça do holocausto, para que seja aceito a favor dele, para a sua expiação.

5. Depois degolará o bezerro perante o Senhor; e os filhos de Arão, os sacerdotes, oferecerão o sangue, e espargirão o sangue em redor sobre o altar que está diante da porta da tenda da congregação.

6. Então esfolará o holocausto, e o partirá nos seus pedaços.

7. E os filhos de Arão, o sacerdote, porão fogo sobre o altar, pondo em ordem a lenha sobre o fogo.

8. Também os filhos de Arão, os sacerdotes, porão em ordem os pedaços, a cabeça e o redenho sobre a lenha que está no fogo em cima do altar;

9. Porém a sua fressura e as suas pernas lavar-se-ão com água; e o sacerdote t u d o isso queimará sobre o altar; holocausto é, oferta queimada, de cheiro suave ao Senhor.

10. E se a sua oferta for de gado miúdo, de ovelhas ou de cabras, para holocausto, oferecerá macho sem defeito.

11. E o degolará ao lado do altar que dá para o norte, perante o Senhor; e os filhos de Arão, os sacerdotes, espargirão o seu sangue em redor sobre o altar.

12. Depois o partirá nos seus pedaços, como também a sua cabeça e o seu redenho; e o sacerdote os porá em ordem sobre a lenha que está no fogo sobre o altar;

13. Porém a fressura e as pernas lavar-seão com água; e o sacerdote tudo oferecerá, e o queimará sobre o altar; holocausto é, oferta queimada, de cheiro suave ao Senhor.

14. E se a sua oferta ao Senhor for holocausto de aves, oferecerá a sua oferta de rolas ou de pombinhos;

15. E o sacerdote a oferecerá sobre o altar, e tirar-lhe-á a cabeça, e a queimará sobre o altar; e o seu sangue será espremido na parede do altar;

16. E o seu papo com as suas penas tirará e o lançará junto ao altar, para o lado do oriente, no lugar da cinza;

17. E fendê-la-á junto às suas asas, porém não a partirá; e o sacerdote a queimará em cima do altar sobre a lenha que está no fogo; holocausto é, oferta queimada de cheiro suave ao Senhor.

Levítico 2

1. E quando a lguma pessoa oferecer oferta de alimentos ao Senhor, a sua oferta será de flor de farinha, e nela deitará azeite, e porá o incenso sobre ela;

2. E a trará aos filhos de Arão, os sacerdotes, um dos quais tomará dela um punhado da flor de farinha, e do seu azeite com todo o seu incenso; e o sacerdote a queimará como memorial sobre o altar; oferta queimada é, de cheiro suave ao Senhor.

3. E o que sobejar da oferta de alimentos, será de Arão e de seus filhos; coisa santíssima é, das ofertas queimadas ao Senhor.

4. E, quando ofereceres oferta de alimentos, cozida no forno, será de bolos ázimos de flor de farinha, amassados com azeite, e coscorões ázimos untados com azeite.

5. E, se a tua oferta for oferta de alimentos cozida na caçoula, será da flor de farinha sem fermento, amassada com azeite.

6. Em pedaços a partirás, e sobre ela deitarás azeite; oferta é de alimentos.

7. E, se a tua oferta for oferta de alimentos de frigideira, far-se-á da flor de farinha com azeite.

8. Então trarás a oferta de alimentos, que se fará daquilo, ao Senhor; e se apresentará ao sacerdote, o qual a levará ao altar.

9. E o sacerdote tomará daquela oferta de alimentos como memorial, e a queimará sobre o altar; oferta queimada é de cheiro suave ao Senhor.

10. E, o que sobejar da oferta de alimentos, será de Arão e de seus filhos; coisa santíssima é, das ofertas queimadas ao Senhor.

11. Nenhuma oferta de alimentos, que oferecerdes ao Senhor, se fará com fermento; porque de nenhum fermento, nem de mel algum, oferecereis oferta queimada ao Senhor.

12. Deles oferecereis ao Senhor por oferta das primícias; porém sobre o altar não subirão por cheiro suave.

13. E todas as tuas ofertas dos teus alimentos temperarás com sal; e não deixarás faltar à tua oferta de alimentos o sal da aliança do teu Deus; em todas as tuas ofertas oferecerás sal.

14. E, se fizeres ao Senhor oferta de alimentos das primícias, oferecerás como oferta de alimentos das tuas primícias de espigas verdes, tostadas ao fogo; isto é, do grão trilhado de espigas verdes cheias.

15. E sobre ela deitarás azeite, e porás sobre ela incenso; oferta é de alimentos.

16. Assim o sacerdote queimará o seu memorial do seu grão trilhado, e do seu azeite, com todo o seu incenso; oferta queimada é ao Senhor.

João 21

1. Depois disto manifestou-se Jesus outra vez aos discípulos junto do mar de Tiberíades; e manifestou-se assim:

2. Estavam juntos Simão Pedro, e Tomé, chamado Dídimo, e Natanael, que era de Caná da Galiléia, os filhos de Zebedeu, e outros dois dos seus discípulos.

3. Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar. Dizem-lhe eles: Também nós vamos contigo. Foram, e subiram logo para o barco, e naquela noite nada apanharam.

4. E, sendo já manhã, Jesus se apresentou na praia, mas os discípulos não conheceram que era Jesus.

5. Disse-lhes, pois, Jesus: Filhos, tendes alguma coisa de comer? Responderamlhe: Não.

6. E ele lhes disse: Lançai a rede para o lado direito do barco, e achareis. Lançaram-na, pois, e já não a podiam tirar, pela multidão dos peixes.

7. Então aquele discípulo, a quem Jesus amava, disse a Pedro: é o Senhor. E, quando Simão Pedro ouviu que era o Senhor, cingiu-se com a túnica (porque estava nu) e lançou-se ao mar.

8. E os outros discípulos foram com o barco (porque não estavam distantes da terra senão quase duzentos côvados), levando a rede cheia de peixes.

9. Logo que desceram para terra, viram ali brasas, e um peixe posto em cima, e pão.

10. Disse-lhes Jesus: Trazei dos peixes que agora apanhastes.

11. Simão Pedro subiu e puxou a rede para terra, cheia de cento e cinqí¼enta e três grandes peixes e, sendo tantos, não se rompeu a rede.

12. Disse-lhes Jesus: Vinde, comei. E nenhum dos discípulos ousava perguntar-lhe: Quem és tu? sabendo que era o Senhor.

13. Chegou, pois, Jesus, e tomou o pão, e deu-lhes e, semelhantemente o peixe.

14. E já era a terceira vez que Jesus se manifestava aos seus discípulos, depois de ter ressuscitado dentre os mortos.

15. E, depois de terem jantado, disse Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de Jonas, amas-me mais do que estes? E ele respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeiros.

16. Tornou a dizer-lhe segunda vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Disselhe: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas.

17. Disse-lhe terceira vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Simão entristeceu-se por lhe ter dito terceira vez: Amas-me? E disse-lhe: Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo. Jesus disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas.

18. Na verdade, na verdade te digo que, quando eras mais moço, te cingias a ti mesmo, e andavas por onde querias; mas, quando já fores velho, estenderás as tuas mãos, e outro te cingirá, e te levará para onde tu não queiras.

19. E disse isto, significando com que morte havia ele de glorificar a Deus. E, dito isto, disse-lhe: Segue-me.

20. E Pedro, voltando-se, viu que o seguia aquele discípulo a quem Jesus amava, e que na ceia se recostara também sobre o seu peito, e que dissera: Senhor, quem é que te há de trair?

21. Vendo Pedro a este, disse a Jesus: Senhor, e deste que será?

22. Disse-lhe Jesus: Se eu quero que ele fique até que eu venha, que te importa a ti? Segue-me tu.

23. Divulgou-se, pois, entre os irmãos este dito, que aquele discípulo não havia de morrer. Jesus, porém, não lhe disse que não morreria, mas: Se eu quero que ele fique até que eu venha, que te importa a ti?

24. Este é o discípulo que testifica destas coisas e as escreveu; e sabemos que o seu testemunho é verdadeiro.

25. Há, porém, ainda muitas outras coisas que Jesus fez; e se cada uma das quais fosse escrita, cuido que nem ainda o mundo todo poderia conter os livros que se escrevessem. Amém.

Provérbios 18

1. Busca satisfazer seu próprio desejo aquele que se isola; ele se insurge contra toda sabedoria.

2. O tolo não tem prazer na sabedoria, mas só em que se manifeste aquilo que agrada o seu coração.

3. Vindo o ímpio, vem também o desprezo, e com a ignomínia a vergonha.

4. Águas profundas são as palavras da boca do homem, e ribeiro transbordante é a fonte da sabedoria.

5. Não é bom favorecer o ímpio, e com isso, fazer o justo perder a questão.

6. Os lábios do tolo entram na contenda, e a sua boca brada por açoites.

7. A boca do tolo é a sua própria destruição, e os seus lábios um laço para a sua alma.

8. As palavras do mexeriqueiro são como doces bocados; elas descem ao íntimo do ventre.

9. O que é negligente na sua obra é também irmão do desperdiçador.

10. Torre forte é o nome do Senhor; a ela correrá o justo, e estará em alto refúgio.

11. Os bens do rico são a sua cidade forte, e como uma muralha na sua imaginação.

12. O coração do homem se exalta antes de ser abatido e diante da honra vai a humildade.

13. O que responde antes de ouvir comete estultícia que é para vergonha sua.

14. O espírito do homem susterá a sua enfermidade, mas ao espírito abatido, quem o suportará?

15. O coração do entendido adquire o conhecimento, e o ouvido dos sábios busca a sabedoria.

16. Com presentes o homem alarga o seu caminho e o eleva diante dos grandes.

17. O que pleiteia por algo, a princípio parece justo, porém vem o seu próximo e o examina.

18. A sorte faz cessar os pleitos, e faz separação entre os poderosos.

19. O irmão ofendido é mais difícil de conquistar do que uma cidade forte; e as contendas são como os ferrolhos de um palácio.

20. Do fruto da boca de cada um se fartará o seu ventre; dos renovos dos seus lábios ficará satisfeito.

21. A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto.

22. Aquele que encontra uma esposa, acha o bem, e alcança a benevolência do Senhor.

23. O pobre fala com rogos, mas o rico responde com dureza.

24. O homem de muitos amigos deve mostrar-se amigável, mas há um amigo mais chegado do que um irmão.

O que você aprendeu com a leitura de hoje? Deixe o seu comentário.

E não desanime. Continue firme para ler a Bíblia em 1 ano, aqui no Universal.org.

Acompanhe a leitura do 89º dia clicando aqui.

Acompanhe a leitura do 91º dia clicando aqui.

Se você ainda não começou, clique aqui e comece agora, não deixe para amanhã.


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Da Redação 


reportar erro