Notícias | - 12:03 am


FJU realiza a “Vigília dos Escolhidos”2 min read

Evento foi transmitido por videoconferência para todo o Brasil e exterior. Saiba mais

FJU realiza a “Vigília dos Escolhidos”2 min read

A vida de milhares de jovens, de várias partes do mundo, ficou marcada após a madrugada de 10 de dezembro último. Nesse dia aconteceu a “Vigília dos Escolhidos”, direto do Rio de Janeiro, com transmissão por videoconferência para todo o Brasil e países das Américas do Sul, Central e do Norte, Europa e África.

A vigília contou com a presença especial do prefeito recém-eleito da capital fluminense, Marcelo Crivella, que falou sobre a importância de o jovem entregar-se para Deus. “Ser de Deus exige fé e sacrifício. é essa fé e esse sacrifício que fazem de nós escolhidos. Deus é; Ele chama a Si Mesmo de ‘Eu Sou’, e, com Ele adiante de nós, passamos a ser e vencer tudo”, destacou Crivella.

César Henrique (foto abaixo), de 20 anos, relatou que foi convidado via WhatsApp por amigos. “O que me motivou a estar aqui foi saber que temos muitas horas do dia, e que devo separar algumas para Deus”, disse.

Além das orações de cura e libertação, o responsável pelo trabalho da Força Jovem Universal (FJU) no Brasil, bispo Marcello Brayner, falou sobre a importância do sacrifício: “Quando você manifesta a fé do sacrifício no Altar de Deus, Ele manifesta o Seu Poder na sua vida.”

A reunião contou com a presença de mais de 18 mil jovens – resgatados ou pela primeira vez na Universal –, além de 5.760 batizados nas águas.

Vidas transformadas

“Cheguei aqui desanimada e triste, mas sabia que a vigília seria diferente. Algo dentro de mim estava falando que tudo iria mudar, pois, mesmo dentro da Igreja, era uma jovem triste. Estava há mais de uma semana pensando no batismo e vi na vigília a minha oportunidade”, conta Thamires Patatiba de Jesus, de 22 anos.

Foi uma madrugada de transformação, onde o céu desceu na vida daqueles que atenderam ao chamado de Deus. Após o evento, uma das participantes, que não teve seu nome revelado, enviou a seguinte mensagem para o bispo Marcello: “Me cortava (foto acima) para aliviar a dor dos meus problemas. Nos cortes via um refúgio, pois enquanto me cortava esquecia tudo que estava passando. Mas na vigília eu entendi que não preciso disso, que Deus me ama e o quanto sou valiosa para Ele.”

Leonardo e Guilherme também compartilharam em depoimento a transformação de vida por que passaram. Antes de conhecerem a Universal, eles eram integrantes de gangues rivais e tentaram matar um ao outro. Mas hoje estão livres e fazem parte do FJU. Confira no vídeo abaixo a história deles:

Veja na galeria abaixo mais fotos da vigília no Brasil e no exterior:


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Por Rafaella Rizzo / Fotos: Mídia 


reportar erro