Notícias | 02.12.2017 - 12:05 am


Batismo nas águas em Burundi2 min read

País do continente africano é considerado um dos mais pobres do mundo

Batismo nas águas em Burundi2 min read

Há um ano e meio a Universal faz um trabalho de evangelização no Burundi, país situado no continente africano e considerado um dos mais pobres do mundo. Recentemente, um batismo foi realizado nas águas no lago Tanganiyka (o segundo maior da África), em Bujumbura, capital do país.

“A nossa missão é ganhar almas e, quando alguém aceita a Palavra de Deus e toma a decisão de abandonar o pecado e de se batizar, isso significa que mais uma alma está destinada ao Reino de Deus”, disse o pastor Bernardo Eduardo Fernandes, responsável pelo trabalho no país.

O batismo nas águas é uma decisão importante para todos aqueles que querem começar uma vida nova com o Senhor Jesus. Para o pastor Bernardo, esse é o maior presente que cada um dos que estiveram presentes ali puderam dar a si mesmos: aceitar Jesus como o seu Salvador.

Cerca de 30 pessoas foram batizadas no dia. Uma delas foi Mahommed Nzeyimana, de 35 anos, funcionário de uma empresa de telecomunicações local. Ele contou como chegou à Universal e disse que hoje é um homem livre dos vícios.

“Antes de conhecer a Universal, eu era membro de outra igreja, mas lá, mesmo depois do batismo, eu ainda errava muito na vida. Tinha vícios, bebia e usava drogas. Foi assim que cheguei à Universal, onde ouvi os ensinamentos da Palavra e pude perceber o quanto estava afastado. Foi quando tomei uma decisão de abandonar a vida errada, buscar o verdadeiro encontro com Deus e então me batizei novamente nas águas, para começar uma vida nova com Ele.”

Se você ainda não decidiu abandonar as velhas atitudes e entregar a sua vida a Deus, não perca mais tempo. Procure hoje mesmo uma Universal mais próxima de sua casa e tome a decisão certa. Confira os endereços no portal universal.org.

*Colaborou: Michele Roza


Universal.org - Portal Oficial da Igreja Universal do Reino de Deus
  • Da Redação / Fotos: Cedidas 


reportar erro